Decoração de Natal

Minha mãe está sempre protagonizando alguma história hilária. Hoje, para variar, aconteceu mais uma.
Como a maioria das idosas, Dolorinha, como a chamo, é muito religiosa e além de não dispensar uma missa aos domingos adora uma imagem de santo. Seu xodó sempre foi um Menino Jesus que comprei a anos, no tempo em que eu ainda tinha um salário minguado, e que paguei em suaves prestações. Todo ano essa imagem é destaque na decoração que enfeita a casa na época do natal.
Mesmo apreciando sua imagem do Jesus menino seu sonho de consumo sempre foi o de possuir um menininho, como ela costuma falar, comprado na Espanha. É que ela viveu muitos anos em colégio de freiras onde se acostumou a ver lindas imagens importadas daquele país.
Quando visitei a Espanha a primeira coisa que fiz foi procurar uma loja onde eu pudesse comprar o santo. Rodei aquela Madri de cabo a rabo até encontrar uma grande loja que só vendia materiais sacros. Quase caí dura com os preços, pois qualquer peça custava os tubos, mas desejo de mãe precisa ser levado em consideração...
Fiquei um tempão tentando escolher um Menino Jesus que correspondesse aos sonhos da minha mãe e que não pesasse tanto em meu bolso, pois cada um era mais caro do que o outro. Um horror. Acabei por escolher um muito lindinho, que não era muito grande e nem pequeno demais e assim não iria arrancar meu couro e nem atrapalhar muito na viagem de volta, pois eu teria de carregá-lo na mão para não correr o risco de se quebrar no transporte das malas.
Quando minha mãe abriu seu presente quase teve um treco de alegria. Se tivesse acertado na loteria não teria ficado mais feliz. Ela se sentiu realizada, pois finalmente era dona de um legítimo menininho Jesus comprado na Espanha. Ela chegou a chorar de emoção fazendo valer cada centavo de euro pago pela imagem.
Pois bem, para encurtar o assunto esse Jesus espanhol passou a ocupar o lugar de destaque na decoração natalina e o antigo acabou ocupando uma posição que ela julgava inferior, pois ficava na parte íntima da casa onde só a família costuma circular.
Inconformada, ela resolveu mudar a posição da imagem. Ela colocou uma almofada cheia de frufrus aos pés da árvore de natal que foi montada na sala de visitas e colocou o Menino Jesus em cima.
Nem cheguei a ver a mudança, mas quando ela me falou o que havia feito eu avisei: cuidado com o Bubu. Aquele gato safado vai acabar dando uma boa mijada no menino e você não vai gostar. Ela me olhou com uma cara desapontada, mas não se mexeu.
Eu estava no quarto quando ouvi o barulho de algo se quebrando e um grito da minha mãe seguido de um miado forte e sentido de um gato velho. Era o Bubu reclamando de um bom tapa que levou porque resolveu dormir em cima do Menino Jesus que estava na almofada e não deu outra: derrubou a imagem e quebrou a cabeça e dedos do menininho.
Minha mãe estava uma fera com o gato e não sabia o que fazer para consertar o estrago. Minha irmã tentava consolar minha mãe dizendo que iria colar o santo, mas ela dizia sem parar que santo quebrado não é a mesma coisa. Ela estava inconsolável.
Fiquei bem quietinha em meu canto só imaginando o estrago. Daí a pouco minha mãe aparece na porta e me acusa: Você disse que o gato ia fazer xixi no santo, mas não disse que ele iria quebrá-lo. Não me contive e comecei a rir da situação. O problema é que não estou podendo rir porque começo a tossir. Minha mãe olhou para mim indignada e tornou a me acusar: Você ainda ri da situação. E quanto mais ela se indignava mais vontade eu tinha de rir e mais eu tossia.
Quando minha mãe se deu conta que eu estava ficando sem fôlego por causa da tosse a coitada ficou toda aflita sem saber se me acudia ou segurava o Menino Jesus feito em pedaços. E o safado do gato? Esse não estava nem aí. Já tinha até esquecido o tapa.
3 Responses
  1. Lara Amaral Says:

    Oh, pobre da dona Dolores... É tão ruim quando um objeto querido quebra.
    Mas sem dúvida, a observação dela foi hilária, hehehe...

    Beijos.


  2. Ana Paula Says:

    De todos o menos preocupado foi Bubu né? kkkk


  3. kkkkkkkkkkkkkkkkk

    eu ri, mas eu ri, mas eu ri mtooooooooooooooooooo desse texto, me rendeu otimas gasgalhadas de doer o estomago... PQP


    Vc relatou de forma perfeita!!! MARAVILHA!


Postar um comentário

Obrigada pelo comentário. bjs Lou