Cuidador

Todos nós, de alguma forma, temos um cuidador e também somos um cuidador vez ou outra e sequer nos damos conta disso.
Tenho uma irmã que cuida de todos a sua volta e principalmente de mim e de minha filha. Fiz esse texto pensando nela e em todos os cuidadores espalhados pelo mundo afora. Foi a forma que encontrei para homenageá-los e dizer que são importantes. Espero que vocês gostem.

Cuidador, criaturas especiais....

Quem sabe o que é um cuidador?
Para os que nunca ouviram falar no assunto, cuidador é aquela pessoa capaz de usar seu tempo, sua paciência e seu amor para se dedicar a alguém que está precisando de ajuda. Em resumo, cuidador é alguém muito, mas muito especial mesmo. Ele ou ela está sempre ao seu lado, com toda a paciência que um ser humano é capaz de possuir e sempre pronto a atender qualquer necessidade imediata.
O cuidador pode ser qualquer pessoa: uma mãe (o mais comum dos cuidadores), um pai (caso raro, mas existente), tios, irmãos, parentes, amigos ou alguém que você precisa pagar para fazer esse trabalho dedicado e difícil.
Você está doente e o cuidador não sai do seu lado. Ele controla o horário dos remédios, cuida para que a comida fique pronta na hora certa, não se descuida da limpeza do local onde você está. Enfim, o cuidador parece ter mais do que apenas dois olhos e duas mãos. Ele se multiplica num montão de pessoas.
A doença piorou e você vai para o hospital. Lá vai o cuidador junto. Ele fica ali ao lado da sua cama só observando e sofrendo por não poder fazer muita coisa. Ele olha aflito para sua cara transfigurada de dor e reza baixinho para que Deus amenize aquele sofrimento. Ele controla o soro para não entrar ar e perder a veia. Ele sai desesperado atrás do médico quando você não está muito bem... Assim é o cuidador.
Ele nem se dá conta dos dias de hospitalização; apenas se preocupa em diminuir seu desconforto e o coitado acaba sofrendo mais do que o paciente. Ele se faz de forte e vai chorar escondido. Ele diz pra todo mundo que está tudo bem quando o coração está apertadinho e cheio de dúvidas... Assim é o cuidador.
Você tem alta e retorna para o aconchego de sua casa e lá vem o cuidador. Ele se antecipa a sua chegada, arruma sua cama com um lençol limpinho e cheiroso, enche a casa de flores e vem lhe receber com o melhor de todos os sorrisos. Assim é o cuidador.
Ele vê um montão de pessoas vindo visitá-lo, trazendo um regalo, dando força e coragem e ele só sorri e procura tratar a todos com a melhor cortesia. Alguém, seja lá quem for, tem um gesto de generosidade e o cuidador olha e diz: Nossa! Como existem pessoas que gostam de você. Todo mundo está fazendo alguma coisa e eu aqui não consigo pensar em nada. Assim é o cuidador. Ele faz tudo e ainda acredita que não está fazendo nada...
Eu tenho um cuidadora especial. Ele é cuidadora em tempo integral, mesmo quando estou saudável. Ela me transporta para cima e para baixo e me leva para qualquer lugar onde eu precise estar. Ela me aguarda com a paciência de um Jó, mesmo sabendo que muitas vezes vai ter que aguardar por um longo tempo. Ela sabe do que eu gosto e do que eu preciso. Ela cuida de mim com o zelo de uma mãe que cuida de seu bebê. Aliás, ela cuida de todo mundo que precisa dela. Ela é incansável.
O tempo todo ela escuta pela casa ou em qualquer lugar onde ela esteja: tia Suuuuuuuuuzi onde está isto? Tia Suzi onde está aquilo? Tia Suzi preciso disto, preciso daquilo. Tia Suzi, Suzi, Suzi. É Suzi ecoando por todo lado o tempo todo. Todo mundo grita pela tia Suzi. Todo mundo quer uma Suzi.
Haja paciência. E a tia Suzi faz compras no supermercado (e adora), faz um rocambole para um visitante amigo só para agradá-lo. Prepara o lanche da Bárbara, minha filha, do jeitinho que ela gosta. Pinta os cabelas da Raïssa, minha sobrinha, faz depilação, acode o outro, corre para lá e para cá. Às vezes ela perde a paciência, dá um grito e pergunta: Vocês não sabem viver sem mim??? Acho que não tia Suzi, você é a alma da casa. Você é o esteio no qual todos se apoiam. Você é a tia Suzi querida e minha irmã. Todos nós amamos você.

4 Responses
  1. Lara Amaral Says:

    Ah, essa é mesmo a tia Suzi. Uma querida!!!
    Tbm me lembrei muito da minha tia Maria do Carmo. Ela é uma cuidadora muito especial, agrada todo mundo e é o anjo da guarda da minha avó. Vou imprimir esse texto e dar para ela. Vou falar que vc escreveu para a sua irmã, mas que se eu o tivesse escrito, colocaria o nome dela. Muito bom, tia. Beijos!


  2. E q saudade eu to sa tia Suzi...

    Ela é o meu anjo, a alma da casa, a mãe que eu escolhi... Como eu AMO a tia Suzi, estar tão longe dela esse tempo todo me faz ver o quanto ela é indispensável na minha vida!!!

    As vezes eu ligo só pra ouvir a voz dela, eu ligo pq to passando mal e preciso saber o que fazer... Essa é a tia Suzi que eu amo!!!


  3. eu sou um dos visitantes que ganham o delicioso rocambole da Tia Suzi!
    E eu realmente admiro ela!
    O amor que ela tem pra compartilhar com as pessoas, sem cobrar nada em troca, é louvável e raro!

    Todo mundo que conhece a tia suzi, ama ela!


  4. Anônimo Says:

    Sehr interessant. Kommt hier noch ein weiterer Beitrag? Würde
    gern mehr darüber erfahren. Kannst du mir per Mail antworten?
    Feel free to visit my web-site - E-Zigarette


Postar um comentário

Obrigada pelo comentário. bjs Lou